Quá Quá [?]

Postado por Kazuki. , quinta-feira, 17 de junho de 2010 19:40



Páro pra pensar em tudo que já passou
E é tão legal ver como tudo começou ...
Sorriso acanhado, orkut encontrado, papo iniciado
E meio sem aviso a intimidade começa
Musicas aparecem, trazendo mensagens implicitas em suas letras
Fazendo surgir sentimentos estranhos, que ao inicio não são compreendidos por ambas as partes
Com toda essa intimidade entre estranhos, surge uma promessa
Um tango haverá de ser dançado, causas perdidas começam a ter fundamento!
E o mundo pára!
E enquanto ele pára aquele momento continua, duradouro, perfeito
Um sorriso aparece seguido de um riso, a face se ruboriza e o silêncio paira
Diferente do esperado se torna um momento bom,
Mas com relação à ele, expectativas de um melhor são criadas.
Palhaços, Musicas, Conversas, Cabelos e beijos roubados
Fazem um dia brilhar e a intesidade arder a face
Os olhos se abrem para novos momentos, e a intimidade só cresce
O tempo passa,
( como tudo passa, até a uva passa) ;
E laços são criados, descontraídos com o luar, ou com uma mensagem
E até mesmo com um pensamento.
O legal é que nada abala, nem mesmo uma ligação inesperada
E uma participação Especial na conversa.
Tudo permanece, com tranquilidade e calma passageira
Em meio à apresentação olhares são trocados e sorrisos aparecem.
Em meio à tudo isso não há uma conclusão, somente a importancia
e o coração, que não pára. Nada pára
( só pára raios ).
Rimas desajeitadas, texto sem nexo, sorriso roubado
Fico aqui com pensamentos aleatórios e sentimentos contraditórios.
E como eu mesmo disse não há conclusão, há somente um coração
(que gosta de patos).

2 Response to "Quá Quá [?]"

Deathtagrazyta Says:

Que intenso tudo isso que você escreveu...
Adoro-te muito
Dá uma passadinha lá no meu blog
tem postagem nova
Bjs *-*

julia Says:

é sempre bom estar com um brilho diferenciado nos olhos...

Postar um comentário